Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Blog do Sergiomar
 


Novas resenhas a caminho:

Moonspell - Night Eternal            Vader - Necropolis

Slayer - World Painted Blood       Kiss - Sonic Boom

Megadeth - Endgame                  Immortal - All Shall Fall

André Matos - Mentalize              Hot Leg - Red Light Fever

Volbeat - Guitar Gangsters and Cadillac Blood

Judas Priest - A Touch of Evil Live

Danger DAnger - Revolve            Epica - Design Your Universe

Behemoth - Evangelion               Marduk - Wormwood

Obitury - Darkest Day                 WASP - Babylon

Tenet - Sovereign                       Ace Frehley - Anomaly



Escrito por menezes76 às 21h54
[] [envie esta mensagem
] []





The Root of All Evil - Arch Enemy - Nota 9,0

                          

Esse lançamento do Arch Enemy vem para coroar boa fase e o sucesso obtido após a entrada de Angela Gossow nos vocais, substituindo Johan Liiva.

As treze regravações ( quinze se contarmos a versão ao vivo para The Immortal e a versão de Wings of Tomorrow do Europe ), ficaram de cara nova, sem perder a pegada e técnica da sversões originais.

Considero o Arch Enemy uma banda que pratica um Thrash Metal "moderno", onde as guitarras predominam e têm em Michael Amott sua figura principal. Seus riffs e solos demonstram toda a técnica que o cara possui. Seu irmão, Cris Amott (g), faz também um grande trabalho, enquanto Daniel Erlandsson (g) e Sharlee D'angelo ( o homem multi bandas ), comandam uma das cozinhas mais coesas e técnicas do heavy Metal atual.

Destaques? Beast of a Man, The Immortal, Diva Satanica, Demonic Science, Bury me an Angel, Dead Inside, Dark Insanity, Pilgrim, Demoniality, Transmigration Macabre, Silverwing e Bridge of Destiny. ou seja, TODAS!

Todas as vbersões ganharam um toque especial evido a presença de Angela. Ouça altoe  Keep Banging!!!!



Escrito por menezes76 às 21h43
[] [envie esta mensagem
] []





Show Exodus e Kreator - Bar Opinião - Porto Alegre RS 26/10/09

Tinha tudo para ser uma grande noite de celebração ao Thrash Metal. Afinal, duas das maiores bandas do estilo tocariam/dividiriam o mesmo palco.

E estamos falando do Exodus, talvez depois do Metallica, o maior expoente do thrash metal americano, e do Kreator, que na minha modesta opinião, é  a maior banda de Thrash da Alemanha. Como escrevi no início, tinha tudo pra ser uma grande noite. E foi!!!!

Passava um pouco das 21 hs, quando os acordes da clássica Bonded by Blood se fizeram ouvir. E aí, meu amigo, o pau comeu! Rob Dukes (v), Gary Holt (g), Lee Altus (g), Tom Hunting (d) e Jack Gibson (b), entraram no palco com uma fúria maior que a do show realizado no mesmo local em 2007. E a galera respondeu prontamente.

Foram clássicos atrás de clássicos, dentre os quais Piranha, A Lesson in Violence, Toxic Waltz, Fabulous Disaster e as "novas", mas também destruidoras Black List, War is my Sheppard ( que música!!!! ) e Deathamphetamine ( outro soco na boca do estômago). Do último álbum, The Atrocity Exibition, apenas Iconoclasm. E para encerrar, Strike of the Beast! Um show que seria perfeiro, não fossem as ausências de Deliver us to Evil e And Then There Were None. Mas não dava pra tocar todas, pois o Exodus dispôs de pouco mais de uma hora. Ah, já ia esquecendo de que, lá pelas tantas, Rob Dukes teve a infeliz idéia de pegar da galera uma camiseta o Internacional. Acredito que nunca levou uma tanta vaia como naquele momento! Mas, como dito anteriormente, foi um show melhor do que o realizado em 2007.

 

Após um intervalo de 40 minutos, começa a ecoar nos PA's a introdução " The Choir of the Damned". Sou um pouco, ou um tanto, suspeito para falar, pois o Kreator é uma de minhas bandas preferidas, mas posso afirmar que foi tão destruidor quanto show de 2006. Estava um tanto receoso, pois Ventor (d), o baterista original não poderia participar da turnê no Brasil, sendo que o motivo, até agora não está muito bem explicado. Para o   seu lugar foi chamado Marco Minnemann ( Necrophagist ), que me causou mais apreensão quando subiu ao kit de bateria, pois enquanto Mille Petrozza (g/v), Samy Yli-Sirniö (g) e Christian Giessler(b), possuem um visual bem "Heavy Metal" ( eh, preconceito headbanger...), O cara apareceu de camiseta branca, bermudão e com cara de vocalista de banda grunge! Mas, ledo engano! Que baita baterista! 

Logo na primeira música, Hordes of Chaos, deu pra perceber que o cara é fera! O Kreator conseguiser melhor, pelo menos na minha opinião, do que o Exodus. Mille é um dos melhores frontman do Thrash Metal e tem um carisma que consegue ter o público sempre na mão.

E tome Phobia, Terrible Certainty, Betrayer, Pleasure to Kill, Extreme Agressions, Coma of souls... clássico após clássico a violência imperava. Em Enemy of God, um pequeno discurso de Mille contra todas as religiões. Violent Revolution, Voices of  the Dead, Warcurse ( a segunda de Hordes of Chaos ), também se fizeram presentes.

Novamente, faltaram algumas músicas, como People of the Lie, Impossible Brutality, Reconquering the Throne, mas também, havia limitação        de tempo e não era possível aumentar o setlist.

Acho que Voices of the Dead poderia ser trocada tranquilamente por Golden Age, do criticado e massacrado Endorama.

Ao empunhar uma bandeira com o logo do Kreator, Flag of Hate e Tormentor encerraram essa gloriosa noite de Heavy Metal em Porto Alegre.

* Fotos : Fabiana Menine - POA Show

26 de Outubro de 2009. Uma data para ficar na história e no coração de todos os metalheads do Rio Grande do Sul!

 

PS: Como me foi lembrado pelo grande Marcos Thor Tricolor, o Exodus também tocou Children of Wormless God, Do Atrocity Exibition! Valeu o toque!

 

 



Escrito por menezes76 às 18h55
[] [envie esta mensagem
] []





Atualização

Galera, o blog esteve desatualizado bastante tempo, vai voltar a funcionar dentro de alguns dias com novas resenhas e entrevistas!

 

Abraço a todos!



Escrito por menezes76 às 19h58
[] [envie esta mensagem
] []





Entrevista - Marivan Ugoski - ATTRO

Entrevista feita com Marivan Ugoski, baixista  e vocalista da Attro, banda de thrash metal de Pelotas, interior do estado do Rio Grande do Sul. Uma grande banda diga-se de passagem!

Além da banda, Marivan leva adiante o projeto Rock Soldier, one divulga bandas do nosso underground que já está no décimo quarto volume.

Nesta entrevista conheça um pouco mais da história da Attro e do projeto nas próprias palavras de um dos dos batalhadores do underground!

 

1) Marivan, em primeiro lugar eu gostaria de agradecer  atua disponibilidade e dizer que é uma honra entrevistar um dos grandes batalhadores  do underground nacional. Minha primeira pergunta é: Como e quando surgiu a idéia de formar a Attro?

Eu que agradeço por esse espaço e te dizer que a idéia partir quando eu era apenas vocalista de uma banda de heavy-metal em 86,que durou um ano,não deu certo e aí resolvi eu mesmo montar a minha e ser baixista e consegui isso em fevereiro de 87.
 
2) O primeiro cd "Breaker" é muito bom, mas bem diferente da sonoridade apresentada pela banda nos últimos anos. Nele a gente percebe influência de bandas como Kiss e Whitesnake. Como era o processo e composição e como se deu a gravação do álbum?

Essa é uma longa história mas a verdade é que o Breaker é um "erro" musical, um "hiato" na trajetória da Attro, é um bom disco de hard/heavy, mas não tem nada haver com aquele som cru, tosco e thrasheira dos anos 80 que é realmente a Attro. De 87 a 93 sempre predominou o thrash e o cd Breaker foi o resultado de um primeiro lugar que tiramos no concurso STANER 21 ANOS, onde resultou num álbum onde estavámos passando por problemas com a formação e nessa reformulação a coisa toda não tava funcionando como banda, alguns integrantes queriam o lado mais comercial, pra vender e tal....e aí deu nisso!!!! Eu particularmente só toquei baixo nesse cd, as músicas não são minhas!!!!! É algo muito estranho!!
 

3) O que levou a separação da banda? As famosas "divergências musicais"?

É por aí, mas tinha muito interesse pelo lado "comercial" da coisa e como não deu em nada...começou a debandada geral......era muito interesse......
 

4) Enquanto a Attro não era reformulada, você começou "uma batalha" que foi o lançamento da série "Rock Soldiers". Como surgiu a idéia e por qual motivo você resolveuencarar este desafio?

Isso foi em 97, bem na época que fiquei sozinho com meu baixo e comecei a montar novamente a Attro.  Eu passava por um época ruim, desempregado e aí comecei os contatos com várias bandas de rock pra montar toda a loucura da série ROCK SOLDIERS. Na época muitos diziam que não iria dar certo e até hoje eu concordo com essas pessoas, pois enquanto não dá certo eu vou lançando um volume após o outro..hehehehehehe!!!!!!
 
5) Hoje a coletânea encontra-se no vol. 15, correto? Quantas bandas já participaram do projeto?

Não.....eu acabei de lançar o vol.14, estou me encaminhando pro 15!!!!!! Eu não cheguei a  somar mas com certeza são mais de 200 bandas ,incluindo algumas da Alemanha e EUA.
 
6) Uma banda que eu lembro que teve uma participação de destaque á época ( não lembro qual edição ) foi a Mad Dragzter, que se chamava apenas Dragster quando do lançamento. Qual outra banda que participou do projeto  e conseguiu umm maior destaque a nível nacional?

Olha...posso citar as duas bandas de Porto-Alegre, a LOSNA e a SPARTACUS, ambas lançaram seus respectivosálbuns pelo meu selo UGK...eu destaco elas com certeza e espero mais bandas se destacarem no cenário......
 

7) Como é o processo e seleção?

Funciona tudo no sistema de cooperativa entre as bandas e eu mesmo vou fazendo os contatos...sou um caçador de bandas por esse mundo a fora hehehehehe!!!!
 

8) E quanto á Attro? O que temos de novidades a respeito? cd novo á vista?

Ótimas novidades....já estou trabalhando em cima do novo cd da banda e vem mais porrada que o making up.....serão 11 músicas e uma intro.....preparem-se por um bom cd de METAL, vai demorar um pouco...estamos produzindo somente a bateria da quinta faixa...mas está tudo em andamento e isso é o que importa no momento....só não pode parar!!!!!
 

9) O "Making up for Wasted Time" é um cd totalmente voltado ao Thrash Metal das antigas, ou seja, bom pra caramba! O material novo segue este estilo?

Sim...é daí pra mais pesado, usando alguns elementos até de Death Metal,mas predomina o Thrash, mas as batidas estão bem mais rápidas...aguardem e confiem!!!!!
 

10) Marivan, uma pergunta que eu já sei a resposta, mas gostaria de ouvir de você. Como é fazer thrash metal no interior o estado? E além disso manter esta banda na ativa por 23 anos? Te pergunto pois sou natural de São Lourenço e sei das dificuldades  enfrentadas no interior.

É horrível meu véio!!!! hehehehe!!!! As dificuldades aumentam em um milhão de vezes!!!!! Mas o tempo é a prova que tenho para as pessoas que gostam do meu trabalho, que sou verdadeiro no que faço e acima de tudo amo essa merda toda hehehehehehe!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
 
11) Cara, agradeço novamente a tua disponibilidade em responder estas questões e deixo este espaço aberto para tuas colocações finais.

Eu que agradeço de coração por esse espaço e aproveitar pra dizer que nunca deixem de acreditar.....não é fácil...leva tempo...mas a persistência é a arma pra isso tudo  e acima de tudo, ser feliz no que faz!!!!!VALEU!!! OBRIGADÃO!!!!!
 
 
Valeu Marivan!!!

Contato: rocksoldiers@ig.com.br

                                              

Atro - Breaker 1996                                          ATTRO - Making up for Wasted Time
 

 




Escrito por menezes76 às 22h07
[] [envie esta mensagem
] []





Tinnitus Sanctus - Edguy

Tinnitus Sanctus - Edguy  Nota 8,5

Após o, mediano na minha opinião, Rocket Ride, o Edguy volta á carga com o excelente Tinnitus Sanctus. Mesclando o seu metal melódico com o bom do Hard Rock, a banda criou uma identidade toda sua, pois nenhuma outra banda faz o que esses alemães está fazendo no momento.

Tobias Sammet é hoje uma das melhores "cabeças" do metal mundial, fato este comprovado no projeto AVANTASIA ( com 3 excelentes álbuns lançados e 2 EP's ) e mesmo dividindo seu talento entre o projeto e sua banda principal, não há decréscimo algum no que se ouve aqui.

O álbum abre com a cadenciada "Ministry of Saints", um afaixa direta e pesada. Já a segunda faixa, "Sex Fire Religion" mantém o clima com mais cadência, com um daqueles refrãos "super bonder", característicos da banda. O "velho" Edguy reaparece com "The Pride of Creation", com as características que marcaram o início da carreira da banda, vai fazer a festa dos fãs nos shows, grande som!

Mais peso na seqüência com "Nine Lives". "Wake up Dreaming Black" mantém o bom ritmo do cd, com os vocais de Tobias soando umpouco diferentes do restante do álbum. A próxima faixa "Dragonfly", traz um pouco de influência do Avantasia pois possui um refrão épico e cheio de corais. Um dos destaques do trabalho. A balada "Thorn Without Rose, é outro belo momento do cd, destacano-se das demais baladas criadas pela banda neste seu trajeto.

"9-2-9" e "Speedhoven" trazem o lado melódico do Edguy novamente.

Mas "Dead or Rock", na minha opinião é o destaque do cd. Uma música totalmente Hard Rock, mostrando de vez a nova cara da banda. E isto acaba por ser o diferencial dela, nesta enxurrada de bandas melóicas sem sal. Tanto se destaca que esta música abriu o show recente que eles fizeram aqui no Brasil e tem levado o público á loucura.

Se o Edguy voltará ao metal melódico que o consagrou eu não sei. Só digo que se trilhar este caminho que já ven trilhando desde "Hellfire Club", a banda não será apenas mais uma no mundo do Heavy metal.



Escrito por menezes76 às 21h05
[] [envie esta mensagem
] []





Atenção, li na internet que existem negociações para uma nova vinda da maior banda de rock do planeta novamente á Porto Alegre!

Existem datas disponíveis na agenda e é "só" uma questão financeira. Em se tratando KISS a gente sabe como é, mas não custa torcer!

Que venham novamente e desta vez com baterista!



Escrito por menezes76 às 09h50
[] [envie esta mensagem
] []





Mustaine x Metallica

Vejam que Dave Mustaine declarou recentemente:

"Droogies!

O Metallica, como vocês sabem, foi selecionado para entrar no Rock and Roll Hall of Fame (em 4 de abril). Então, é com muito respeito que eu digo parabéns!

Eu também tive a boa surpresa de ouvir que eles ligaram para me convidar para a festa de pré-cerimônia na noite anterior, e então para a cerimônia em si. Infelizmente, como vocês sabem, eu estarei relaxando em nossa turnê européia com o Judas Priest, então não poderei comparecer.

Entretando, eu gostaria de dizer ao Lars (Ulrich) e James (Hetfield), eu estou muito orgulhoso de tudo que vocês conquistaram. Eu continuarei a rezar pelo melhor para vocês e suas famílias como eu sempre fiz.

Obrigado pelo convite e por pensarem em mim.

Respeitosamente,
Dave Mustaine". ( Fonte: Whiplash )

Alguém acha que essa declaração é "real"?



Escrito por menezes76 às 11h21
[] [envie esta mensagem
] []





Paciência tem limite!

Me desculpem, amigos.

Neste post não irei falar sobre o nosso amado rock n' roll, mas terei que falar de uma das minhas outras paixões ( a outra é minha mulher ), o Imortal tricolor.

Como essa diretoria pode manter um "técnico" como esse Celso RoTh?

Não bastasse o fato de não conseguir armar um time decente com bons jogadores, ele não consegue vencer um time que perde pro União Rondonópils! Realmente eu não consigo entender! Eu tento mas não consigo! O que dá raiva é que primeiro ele diz que o Grenal não é importante, a competição maior é a Libertadores, blá, blá, blá... Choro de perdedor antecipado!

Qual jogador vai se sentir motivado com uma declaração dessas? Depois diz que seus jogadores tem dificuldade em Grenal... Faça-me o favor Celso Roth!

Vá chupar um parafuso até virar prego! Chega! A diretoria tem que dar um basta nisso!

Renato Portaluppi já!

 



Escrito por menezes76 às 10h41
[] [envie esta mensagem
] []





Cheguei!!!!!!!!!!!!!

E Aí Galera Metal!

Estou chegando com este blog para comentar álbuns, shows, fatos e tudoi que envolver o sensacional mundo do Rock n' Roll!

Logo mais estarei colocando posts e fotos e espero que deixem suas mensagens!

 

Abraço a todos !

 

Sergiomar



Escrito por menezes76 às 09h28
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]